quarta-feira, 9 de maio de 2012

Mais uma maneira de se acalmar: a tabela dos recursos

Uma das maneiras de diminuir a ansiedade é, diante de situações específicas, fazer uma forcinha para se lembrar dos recursos que você possui para encarar este desafio.

E quando uso a palavra "recurso", não me refiro apenas à questão financeira, mas a todas as habilidades, conhecimentos, jeitinhos, tecnologia e, também, amigos, familiares e contatos que podem ajudar a lidar com uma situação difícil.

Sendo assim, peguei o modelo de uma tabela, gentilmente cedida por Susana Telles (obrigada, Su!), para mostrar exemplos de como fazer isso no dia a dia. *

O caminho é o seguinte: anote a situação que o deixa ansioso, dê uma nota para a ansiedade, explicite os recursos que tem para lidar com este desafio e dê , novamente, uma nota para a ansiedade. É provável que, depois de enxergar tudo o que você tem a seu favor, sua ansiedade em relação àquilo diminua proporcionalmente.


* Exemplo inventado pela autora


A nota é dada de zero a dez, sendo zero o equivalente a nenhuma ansiedade e dez, a pior ansiedade que você já sentiu. A nota do "antes" se refere à ansiedade que você sente só de pensar na situação que precisará enfrentar. A nota do "depois" equivale a ansiedade sentida depois de serem explicitados os recursos, mas ainda antes de passar pela situação propriamente dita.

Você não precisa ser refém do excesso de ansiedade. É possível diminuí-la e torná-la produtiva (Saiba como diferenciar os tipos de ansiedade) com a prática de exercícios.

Sendo assim, bons treinos pra você.

Ana Carolina Diethelm Kley
anacdkley@hotmail.com
Para me adicionar no Facebook: Ana Kley
Para me adicionar no Twitter: @AnaDKley


Related Posts with Thumbnails