quarta-feira, 28 de abril de 2010

Até onde vai o perfeccionismo

Até onde deixamos. A mania de perfeição pode nos levar à loucura, fazer com que prazos sejam perdidos, com que projetos sejam adiados eternamente, fazer com que nos sintamos as pessoas mais incapazes, mais inadequadas. OU pode não fazer nada disso. Depende de você.

Embora haja, de fato, a sensação de que somos "tomados" pela vontade de fazer o que de melhor há (mentira, queremos fazer o que de melhor não há, o sobre-humano, o impossível, o que nunca ninguém antes conseguiu imaginar), com alguma prática, podemos identificar quando somos sugestionados pelo perfeccionismo e tomar as rédeas de volta.

É louvável se propor a fazer o seu melhor. Eu apóio totalmente. Aqui, porém, não escrevi nada sobre se empenhar, escrevi sim, sobre se cobrar o que não é possível fazer, sobre expectativas exageradas e irrealistas que muitos confundem com dar o melhor de si (dentro do que é humanamente realizável).
Related Posts with Thumbnails