quarta-feira, 6 de março de 2013

Preocupações com o futuro

Caso se preocupe muito com seu futuro, este post é pra você.
 
Pensar no que você quer para sua vida, seu trabalho, seu relacionamento, sua saúde é algo muito bom, recomendável para quem quer direcionar seu caminho e construir a própria história.
 
Mas é preciso prestar atenção em um detalhe: se preocupar com o futuro não é o mesmo que construir o futuro.
 
Digo isso porque muita gente se preocupa muito com o pode vir a acontecer achando que, ao fazer só isso, já está, de alguma maneira, contribuindo com o que virá a seguir. E isso é uma pegadinha!
 
Apenas pensar no futuro e se preocupar com a possibilidade das coisas darem errado, ou ficar tentando prever o que de pior pode acontecer (para se precaver, sem nada fazer de fato), é uma das maneiras mais certeiras de não plantar nada e, portanto, de colher na mesma medida. Eu até entendo que dê a impressão de que algo está sendo feito, afinal, se preocupar excessivamente dá trabalho (mental), mas acaba não produzindo muito coisa.
 
Então, preste atenção aos seus hábitos e perceba se, além de se preocupar, você também parte para a ação, pois é só dessa maneira que conseguimos, de fato, obter os resultados que nos ajudarão a gradualmente moldar nossa vida.
 
Então, fica a dica: pensar no futuro é bom, planejar-se é ótimo, colocar a mão na massa é essencial.
 
Ana Carolina Diethelm Kley
Para me adicionar no Facebook: Ana Kley
Para me adicionar no Twitter: @AnaDKley
Related Posts with Thumbnails