quarta-feira, 10 de novembro de 2010

O poder da exigência

Exigências podem ser usadas "para o bem ou para o mal".

Se você se exige algo que é razoável como fazer um trabalho da melhor maneira possível ou reagir melhor a algumas situações, e isso te ajuda a seguir adiante, parabéns! Você usa o lado positivo da exigência.

Se, por outro lado, você se coloca tarefas muito além da capacidade humana e/ou das 24 horas do dia  como, por exemplo: ser uma ótima mãe, excelente esposa, super mulher de negócios, estar com o corpo da Gisele Bünchen e ainda fazer pós graduação, tudo ao mesmo tempo, temos o uso negativo da exigência. Afinal, só o que você consegue se cobrando tudo isso é ficar estressada, pensando coisas ruins a seu respeito e se sentir desanimada.

Se exigir DEMAIS te motiva a seguir adiante? (olhe para os fatos da sua vida e responda)
Se exigir o que dá pra fazer faz você ficar parado? (olhe para os fatos da sua vida e responda)

O que os fatos te dizem? Qual é seu tipo preferido de exigência? Você sabe qual é o preço que paga por ele? Esse preço compensa?

Ana Carolina Diethelm Kley
Para me adicionar no Facebook: Ana Kley
Para me adicionar no Twitter: @AnaDKley
Related Posts with Thumbnails